Arquivo da categoria: Som Pra Viagem

Novos nomes da música brasileira se apresentam aqui!

Andreas Kisser – Hubris I & II

De 15 anos pra cá, o Sepultura gravou 8 discos (antes disso, 5), fez dezenas de turnês em vários países (e ao longo de todos os continentes), ganhou mais milhares e milhares de fãs, dividiu palco com, por exemplo: Ozzy Osbourne (dentro e fora do Black Sabbath), Motörhead, Björk, Peter Gabriel,  Pantera, Judas Priest… E trocou duas vezes de integrante. Mas este é outro assunto… Com direito a shows históricos, o grupo fez, há pouco tempo, a primeira apresentação de uma banda de heavy-metal em Cuba e passou, também pioneiramente, por outros países cheios de fãs de rock: Índia e África do Sul – apenas alguns dos momentos marcantes. De mais de 15 anos pra cá, o Sepultura vem deixando seu nome registrado na história dos grandes da música mundial. O capítulo mais recente já foi escrito, e será lançado no começo de 2009. A-Lex é o primeiro disco com o novo baterista, Jean Dolabella, e 12º de composições próprias da banda.
Mas a entrevista a seguir, com o guitarrista do Sepultura, Andreas Kisser, foi marcada com a intenção de se falar de HVBRIS I & II, o primeiro disco solo dele, duplo, com músicas que Andreas escreveu ao longo destes 15 anos. São registros de pura personalidade, que, um por um, conferem identidade própria à obra, e traçam diferentes ângulos da capacidade musical de Kisser: tem violão erudito, blues, rock, viola… e os vocais de AK em algumas faixas, além de várias participações especiais. No estúdio, logo após um ensaio da banda de Hubris – que terá lançamento mundial no início do ano -, Andreas conversou com a PodCasting Brasil e, neste papo que misturou assuntos da carreira solo e do Sepultura, ele contou muitas coisas interessantes. É só clicar!
Em: www.myspace.com/andreaskisser você ouve 4 músicas de Hubris.
Mais sobre Andreas Kisser: www.sepultura.com.br
Apresentação: Mirna Della Rosa
Edição: Edu Barbosa

Paulo Meyer and The Burning Bush – Hooked on The Blues

Ouça o programa Som pra Viagem gravado no Café Piu Piu, em São Paulo, com o blues man Paulo Meyer e a banda The Burning Bush. Durante o bate-papo você confere algumas faixas do ótimo disco “Hooked on the blues” que traz clássicos do blues e do rock, e também, composições próprias com muita personalidade. E ainda: Conheça qual é a origem do verdadeiro blues e fique por dentro de alguns detalhes sobre produção do primeiro DVD da banda que registrou toda a energia que eles tem no palco.
Acesse: www.paulomeyer.com
Apresentação: Gustavo Giusti
Edição: Edu Barbosa

Arthur Joly apresenta JOLYMAN – Dub classe A

Arthur Joly apresenta JolymanO produtor musical e fundador da gravadora Reco-Head Records, Arthur Joly, encarna um autêntico jamaicano em seu segundo trabalho solo intitulado “Jolyman”. O disco é resultado de uma pesquisa de um ano e meio em torno da história do Reggae-Dub e dos recursos técnicos utilizados para se criar e reproduzir o estilo da Jamaica dos anos 70. Durante o programa você confere algumas faixas desse disco e conhece melhor o excelente trabalho do produtor, músico e compositor Arthur Joly.
Acesse o site da gravadora: www.recohead.com.br
Blog indicado por Arthur: youandmeonajamboree.blogspot.com
Apresentação: Gustavo Giusti
Edição: Edu Barbosa

Megarex – Rock n’roll Multimídia

Nem sempre é possível rotular o trabalho de um artista ou de uma banda, e muitas vezes é até melhor não se fazer isso, para não correr o risco de impor limites mais estreitos do que os reais. Ufa! Pareceu complicado? Vamos falar de outro jeito: o Megarex faz rock n’roll, muito bem feito e cheio de influências e referências de fora deste estilo. O que resulta em músicas bem diferentes entre si e um formato de show também pouco comum, onde todas essas referências se encontram e se completam, com vídeos e muito mais. A banda paulista, formada atualmente por Flavio Marchesin, Marco Camarano e Paulinho Barizon, foi classificada para participar do Prêmio Visa de Compositores, fez a abertura com transmissão ao vivo do Festival da TV Cultura e tem muito mais para contar. Ouça esta conversa bem divertida!
Acesse e concorra a um Fusca: www.megarex.net
Apresentação: Mirna Della Rosa e Gustavo Giusti
Edição: Edu Barbosa

Patrick van Herrikhuyzen – PVH Music

Patrick van Herrikhuyzen, holandês, é um músico muito versátil. Pianista, compositor e produtor, ele também é integrante da banda de pop-rock Van Dik Hout, que faz muito sucesso em seu país de origem. Incansavelmente curioso e interessado, quando não está em ensaios ou turnês com a banda, se dedica a seus projetos solo, no palco (com música brasileira) e em estúdio, com seus remixes. Desde que descobriu a riqueza musical tupiniquim, há 15 anos, Patrick nunca mais deixou de pesquisar sobre o Brasil e de tocar a música feita por aqui. Em seu estúdio, ele também cria remixes, compõe jingles e faz experimentos. Esse elo com o Brasil nos permitiu, inclusive, entrevistar Herrikhuyzen em português, pela primeira vez na carreira dele. Confira esta entrevista, feita pela nossa reportagem em Amsterdã, ouça as músicas e conheça mais o trabalho de Patrick, um músico que vive sua arte intensamente.
Acesse:
www.myspace.com/pvhmusic
www.vandikhout.nl
Apresentação: Mirna Della Rosa
Edição: Edu Barbosa

Clube Caiubí – Uma confraria de amigos e compositores

Foi em uma ampla casa localizada em uma rua de altos e baixos de Perdizes que um grupo de compositores venceu as barreiras, muitas vezes até da timidez, para soltar a voz e mostrar as composições inéditas. A história do Clube Caiubí começou há seis anos na rua de mesmo nome, no bairro paulistano. Hoje, os encontros semanais ocupam o palco do Villagio Café, em Pinheiros. E o grupo cresceu, já ultrapassa as quatro dezenas de compositores/cantores. Cinco dos integrantes do Clube Caiubi conversam com Deborah Izola no “Som Pra Viagem”. Álvaro Cueva, Daniel Pessoa, Lalo Guanaes, Lis Rodrigues e Sonekka falam de suas trajetórias e de algumas histórias que cercam o clube de compositores.
Acesse: http://www.clubecaiubi.com.br
Apresentação: Deborah Izola
Edição: Edu Barbosa

Iupie – De Recife para o Brasil

IupieDireto de Recife, a banda Iupie veio para São Paulo gravar o videoclipe do single, “Outra Vez”. Aproveitando a trip para divulgar o som do seu segundo CD, intitulado Iupie (produção de Tadeu Patolla), eles visitaram o estúdio do Podcasting Brasil para participar do Som pra Viagem. Durante o programa, Amarelo (vocal) e Lazaro (baixo), comentaram sobre a apresentação deles no Abril pro Rock e no Rio Rock Tour, falaram sobre a cena musical de Recife, suas composições, referências musicais e muito mais!
Acesse: www.iupie.com.br
Apresentação: Gustravo Giusti
Edição: Edu Barbosa

Wado – Terceiro Mundo Festivo (independente)

wado_capa.jpg“Terceiro Mundo Festivo” é o quarto disco da carreira solo de Wado, e primeiro depois de sua separação da banda Realismo Fantástico e de sua volta a Maceió. Os ritmos “terceiro-mundistas” deste (mais recente) grande trabalho do compositor se misturam entre o funk carioca, os afoxés baianos e o reggaeton, e, talvez por conta de varios shows pela Europa, turnês por todo o Brasil, encontros musicas com grandes nomes do nosso país e de fora (talvez não por isso), neste disco existem também referências à música feita hoje em dia nos Estados Unidos e a ritmos africanos. Mas rótulos são complicados e nem sempre fazem jus à qualidade musical. Você que já conhece o trabalho de Wado, delicie-se com um dos melhores trabalhos deste compositor. Se não, ouça. Você vai entender.
Acesse: www.uol.com.br/wado
Apresentação: Mirna Della Rosa
Edição: Edu Barbosa

É Fatale!

capa_fatale.jpgQuase todas as bandas que conhecemos começam desse jeito: amigos que se juntam pra fazer um som, e vão tocar nuns barzinhos… Até que, rapidamente, a “brincadeira” vira coisa séria. O público gosta e então é só trabalhar pra valer, com paixão, responsabilidade e persistência – e os frutos começam a aparecer. Com quase dois anos e meio de carreira, um disco – totalmente independente e com mais de 14 mil cópias distribuídas – e muitos shows pelo Brasil, Fatale está prestes a viajar para a Europa, participa de uma coletânea com bandas independentes lançada por Rick Bonadio (produtor de NX Zero, Charlie Brown Jr., Planta e Raiz…), é semi-finalista em três categorias do Prêmio Tim de Música e está gravando novo disco… Mas os caras têm muito mais pra contar! Conversamos com Nando Gabriel (voz) e com o baixista Adriano Gaeta para saber sobre o que já rolou e o que está por vir. Avante Fatale!
Acesse: www.fatale.com.br
Apresentação: Mirna Della Rosa
Edição: Edu Barbosa

Edvaldo Santana – Reserva de Alegria

reserva_de_alegria.jpg“Reserva de Alegria”, quinto CD solo do cantor e compositor paulistano Edvaldo Santana, é fruto da trajetória singular do artista. Vindo da periferia – Edvaldo é de São Miguel Paulista -, o músico revela no álbum sua mistura singular de elementos rítmicos, melódicos e poéticos. No CD é possível observar sua origem mestiça, sua voz rouca e um intrigante caldeirão sonoro que traz como convidados artistas como Bocato,Thayde, Rappin Hood e Chico César. No “Som Pra Viagem”, Edvaldo Santana traça um paralelo do mais recente CD com trabalhos anteriores, fala sobre suas referências e também de sua relação com a poesia.
Site do artista: www.edvaldosantana.com.br
Apresentação: Deborah Izola
Edição: Edu Barbosa