No tempo da delicadeza
Categorizado em Seres Humanos de Negócios

delicadeza.jpgNa série “Seres Humanos de Negócios”, José Ernesto Bologna discute a contribuição dos humanistas para a cultura corporativa. No décimo programa da série, Bologna aborda um tema de relevância em um mercado que substituiu a Economia de Produtos pela de Serviços. O psicólogo e consultor de empresas fala sobre o excesso de violência e a falta de delicadeza no mundo contemporâneo; um período marcado pelo objetivismo excessivo e em que o mau humor está associado ao empreendedorismo ou a genialidade.

3 comentários sobre “No tempo da delicadeza”
  • vitché palacin disse:    ( 19.03.2009 às 17:08 )

    …perguntaram para a Fernanda Montenegro logo depois que ela foi indicada ao oscar de melhor atriz o que ela esperava da vida, a resposta simples e reveladora foi: “mais delicadeza”.

  • Maria Iracema Gonzales disse:    ( 01.06.2007 às 18:31 )

    Parabéns!!!

  • Giuseppe Nóbrega disse:    ( 06.02.2007 às 10:29 )

    A delicadeza possivelmente carrega um sentido frágil quando utilizado para adjetivar determinados traços de personalidades. Seu modo de pensar sobre esta delicadeza e na força transformadora que ela traz, me fez refletir sobre a ideia de propagação do bem, que deveria ser o sinônimo lógico desta palavra. Parabéns!

Deixe um comentário
Feed RSS dos comentários.